F

Fase Elétrica
Termo genérico que se refere tanto a uma tensão de fase como a um condutor fase. Situação relativa de duas ou mais grandezas senoidais de mesma frequência quando a defasagem entre elas é igual a zero. Em corrente alternada é equivocado dizer polo positivo ou negativo, pois existe uma frequência de variação de polaridade de 60 Hz, ou 60 variações por segundo. Somente é válido mencionar a polaridade da fase elétrica em circuitos de corrente contínua. Ver Hertz; Corrente Alternada; Corrente Contínua e Neutro.

Fator de Carga
Razão entre a demanda média e a demanda máxima da unidade consumidora, ocorridas no mesmo intervalo de tempo especificado.

Fator de Demanda
Razão entre a demanda máxima num intervalo de tempo especificado e a carga instalada na unidade consumidora.

Fator de Fluxo de Reatores
Os reatores de lâmpadas de descarga, possuem um percentual de aproveitamento do fluxo luminoso destas. Este valor deve ser levado em consideração quando construir uma equação de cálculo luminotécnico para evitar distorções no resultado.

Fator de Perdas Luminosas
Engloba as depreciações quanto ao fluxo luminoso, ao acúmulo de sujeira, tanto nas luminárias e lâmpadas, como nas superfícies do ambiente, ao longo de sua utilização. Este fator permite compensar na equação de cálculo luminotécnico as referidas perdas decorrentes de falhas na manutenção do sistema.

Fator de Potência
Razão da potência ativa pela potência aparente. Medida de desempenho no aproveitamento otimizado da energia elétrica oferecida pela distribuidora de energia. O fator de potência no Brasil é definido como alto à partir de 0,92 (ABNT). Ver Capacitor; Banco de Capacitores; Medidor de Fator de Potência e ABNT.

Fator de Uniformidade
É a relação entre o menor e o maior valor de iluminância em uma área considerada, e é expressa pela fórmula U = E min. / E média, onde E = ilumância. Quanto mais próximo o fator de uniformidade estiver de “1”, mais homogêneo será a iluminância do local.

Fator de Utilização
Utilizado em cálculos luminotécnicos para obter um valor referente ao desempenho da luminária, que representa o percentual do fluxo luminoso emitido pelas lâmpadas, já depreciado o fator de fluxo do reator, que consegue atingir o plano de trabalho. Tal fator, depende do rendimento da luminária e como a luz se distribui a partir de seu corpo ótico, do coeficiente de reflexão das superfícies do ambiente (teto, piso e paredes), assim como o índice do recinto (proporções geométricas).

Fatura de Energia Elétrica
Nota fiscal que apresenta a quantia total que deve ser paga pela prestação do serviço público de energia elétrica, referente a um período especificado, discriminando as parcelas correspondentes.

Fita Isolante
Fita adesiva com revestimento apropriado para utilizar em isolamento elétrico de emendas ou ligações de fios e cabos. Ver Isolação Elétrica; Nível de Isolamento e Conectores.

Fluorescência
Fotoluminescência na qual a radiação óptica emitida, desaparece tão logo cessa a absorção da radiação excitadora. Nas lâmpadas que realizam este processo, é criado um arco elétrico entre os eletrodos imersos em gás apropriado. Este gás provoca a emissão de raios ultravioleta pela excitação do mercúrio, chocando-se com o fósforo que reveste a parede interna da lâmpada causando o efeito em questão. Não confundir com fosforescência !

Fluxo Luminoso
É a grandeza obtida pela radiação total de uma fonte luminosa, entre os limites de comprimento de onda visíveis ao olho humano. Não há direcionamento específico de luz neste caso. O fluxo luminoso das lâmpadas em geral é depreciado ao longo do tempo, causando perdas de iluminância nas áreas de trabalho. Sua unidade é o lúmen (lm). Ver Lumen; Iluminância; Acuidade Visual e Manutenção Preventiva.

Fosforescência
Fotoluminescência retardada pela acumulação de energia em um nível de energia intermediário. Ex: Um interruptor de luz visível no escuro, possui esta propriedade. Não confundir com fluorescência !

Fotoluminescência
Luminescência causada pela absorção de radiação ótica.

Fotometria
Ramo da ciência óptica que estuda os métodos e processos de medição de fluxos luminosos e das características associadas a tais fluxos. Seus conceitos são essenciais para projetos luminotécnicos e de conservação de energia.

Fotossensibilidade
Sensibilidade aguçada às radiações luminosas e suas variações.

Frontlight
Expressão do inglês que designa iluminação obtida por meio de projetores que direcionam o foco para uma placa publicitária, criando um contraste com as adjacências destacando a placa por meio de luminância refletida do objeto. Importante observar as características da cor de fundo e das cores de destaque da placa para não ter efeitos indesejados. Ver Luminância; Ofuscamento; Obstáculo Visual; Contraste e Projetor

Fusível
Dispositivo de proteção de circuitos elétricos, constituido por um material que funde, interropendo o circuito quando a correte que o percorre ultrapassa um valor pré-determinado.

Localização

R. Ari Barroso, 203
Parque Boa Vista I
D. de Caxias
RJ, 25085-480

Telefones


(21) 25 16-5630
(21) 3842-6005
(21) 3842-6006

Redes Sociais

Siga-nos

Email


contato@mercolux.com.br

comercial@mercolux.com.br

MERCOLUX Todos os direitos reservados. Desenvolvido por INFINITY MARKETING